Strike (Divulgação BBC One)

Baseada nos livros “O Chamado do Cuco” (2013), “O Bicho-da-Seda” (2014) e “Vocação para o Mal” (2015), escritos pela maravilhosa J.K. Rowling sob o pseudônimo de Robert Galbraith, a série Strike é a nova produção da BBC One distribuída pela HBO.

A série é produzida pela “Brontë Film and Television”, produtora independente fundada por Rowling em parceria com seu agente Neil Blair. Ambos são produtores executivos da série que teve o roteiro escrito pela própria Rowling, dividindo os três livros num total de sete episódios:  “O Chamado do Cuco” (3 episódios), e “O Bicho-da-Seda” e “Vocação para o Mal” com dois episódios cada.

Nos três primeiros episódios conheceremos um pouco mais sobre o Investigador particular Cormoran Strike (Tom Burke de The Muskeeters), conforme ele e sua secretária Robin (Holliday Grainger de Os Bórgias) investigam a morte da modelo Lula Landry (Elarica Johnson de Harry Potter e o Enigma do Príncipe).

Strike (Divulgação BBC One)

Nos dois episódios seguintes, Strike encontra um novo caso com o desaparecimento do escritor Owen Quine (Jeremy Swift de Downton Abbey), já os dois episódios finais da série focam em uma série de ataque à mulheres, Robin recebe um pacote misterioso, e horrorizada, vê que se trata da perna decepada de uma mulher.

No site Rotten Tomatoes, até agora a aprovação da série está em 90%. Críticas em jornais como o The Guardian e o Telegraph são extremamente positivas, dizendo que o melhor detetive da televisão chegou finalmente às telas. Rowling conseguiu manter o mistério até para quem leu os livros, e a atuação do elenco é impecável, recomenda-se uma atenção especial a trilha sonora, especialmente no começo da série.

Muito indicado para fãs de histórias ala Sherlock Holmes e é claro, fãs dos trabalhos da mente de JK Rowling.

Deixe seu comentário